Operação Marquês

No noticiário das 18H00 a CMTV anunciou que a acusação terá lugar em novembro (ano omisso).

Em rodapé lia-se que «a carta regatória [sic] da Suíça chegou agora», informação que a CMTV reiterou depois de intercalar outra notícia.

A «carta regatória» não é certamente a peça jurídica que faltava, deve ser o instrumento hidráulico para fertilizar o telejornal.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Os incêndios e a chantagem ao Governo

O último pio das aves que já não levantam voo

Cavaco Silva, paladino da liberdade