Escala de aviões da CIA com prisioneiros


Durão nega voos ilegais da CIA durante o seu Governo.

Não admira, depois dos esforços que fez para evitar a invasão do Iraque, como ele próprio declarou na altura.

O Parlamento Europeu está a investigar o assunto e alguns responsáveis defendem que o presidente da CE deve também ser ouvido sobre o tempo em que foi primeiro-ministro de Portugal.

No entanto, o seu porta-voz, Johannes Laitenberger, assegurou que «Durão Barroso não poderá ser ouvido por questões que tenham a ver com o cargo que antes desempenhou».

Apostila – Também o actual Governo fica mal na fotografia.

Comentários

e-pá! disse…
«Durão Barroso não poderá ser ouvido por questões que tenham a ver com o cargo que antes desempenhou».

Ah! grande Europa dos indultos políticos.
Uma autêntica esponja que apaga tudo...

CE:

Neste momento, ocorre-me uma inquietante dúvida.
Será que a inclusa (no post) foto a quatro "batida" na Terceira, nas vésperas da invasão do Iraque, poderá ser publicada?
É que ela tem a ver com o cargo que o Sr. Barroso, antes desempenhou...

Portanto, ele não responde por ela.
Se calhar, a versão oficial será que nunca esteve lá.´

E nós .... acreditamos.
Carlos Esperança disse…
«Se calhar, a versão oficial será que nunca esteve lá.»


e-pá:

O Stalin especializou-se nisso. E um ex-maoísta deve ter aprendido qualquer coisa.

Mensagens populares deste blogue

O último pio das aves que já não levantam voo

Cavaco Silva, paladino da liberdade

A ânsia do poder e o oportunismo mórbido